Artigo Estudos de Caso

Ciclovia pré-fabricada de plástico reciclado em Zwolle, Países Baixos.

Metodologia

Ambiente Construído

Plastic Road: Pavimentação urbana

Holanda

Overissel()

Metodologia

As ações necessárias para criação da Plastic Road em Zwolle foram: 1. Pesquisa realizada por dois integrantes da empresa KWS (Anne Koudstaal e Simon Jorritsma) sobre novos materiais para a construção de estradas e elaboração do conceito da Plastic Road; 2. Divulgação do conceito pela KWS a fim de chamar novos parceiros para integrar a equipe de pesquisa e execução da Plastic Road (2015); 3. Escolha dos parceiros (Wavin e Total) e estabelecimento de relação entre as empresas; 4. Estabelecimento de relação entre as empresas responsáveis, o governo municipal de Zwolle e o governo da província de Overissel para financiamento e autorização da implantação do projeto; 5. Realização de pesquisas de engenharia e design pelas empresas envolvidas para possibilitar o desenvolvimento e execução da estrada: qual seria o melhor formato dos módulos, quais tipos de plástico e técnicas de produção seriam mais adequadas para a Plastic Road; como o design pode contribuir para a drenagem urbana; se o plástico teria resistência o bastante para funcionar como material construtivo de uma estrada; 6. Realização de testes sobre o plástico utilizado e aprimoramento de suas propriedades realizados pela Total; 7. Reciclagem do plástico realizado pela Total; 8. Fabricação das peças modulares em plástico reciclado. Para implantação, o processo de instalação consistiu em: 1. Transporte das peças modulares para o local de construção; 2. Utilização de maquinário (conduzido pelos operários) e mão de obra humana para colocação das placas sobre o solo. O maquinário se situa sobre a própria ciclovia, se locomovendo apenas para frente e para trás; 3. Os operários colocam a placa manualmente sobre uma estrutura de apoio em madeira, à frente do maquinário; 4. A máquina apanha a peça, anda para frente e a assenta onde deve ser colocada com ajuda dos operários (que ajustam detalhes de encaixe). Para ilustração do processo de instalação, ver referência de link "YouTube: Wavin - PlasticRoad installation pilot Giethoorn".

Implementação

  • Empresa Wavin

    Institucional/Privada

  • Empresa KWS

    Institucional/Privada

  • Grupo empresarial Total

    Institucional/Privada

  • Governo municipal de Zwolle

    Governamental (de cima para baixo)

  • Governo da província de Overissel

    Governamental (de cima para baixo)

A Plastic Road foi uma inovação desenvolvida por parceria entre a empresa holandesa de engenharia KWS, o grupo empresarial europeu chamado "Total petróleo e gás" e a fabricante holandesa de tubulação de plástico Wavin. A iniciativa partiu da KWS, líder de mercado em construção de estradas e produção de asfalto nos Países Baixos. A empresa Wavin foi convidada devido à vasta experiência na produção de tubulação plástica para fins de drenagem de águas pluviais. O grupo empresarial Total foi convidado devido ao conhecimento vasto sobre plástico importantes para o desenvolvimento do produto, contribuindo para o aprimoramento das propriedades do plástico, para a reciclagem do material e aplicando as técnicas de produção. O governo municipal de Zwolle foi responsável pela autorização da inauguração da Plastic Road na cidade e, juntamente ao governo da província de Overissel, pelo financiamento parcial de sua implantação.

O público atingido pela implantação da ciclovia foi a população local da cidade de Zwolle, se beneficiando da nova infraestrutura urbana e de seus efeitos para a drenagem urbana.

Fatores de Sucesso

A implantação da Plastic Road em Zwolle pôs a cidade em evidência nacional e internacional, atraindo investimentos para o município.

A instalação de sensores identificadores de temperatura, peso e número de bicicletas (ou seja, de usuários) facilita o acompanhamento de resultados e a manutenção periódica da ciclovia.

A previsão de durabilidade da ciclovia em plástico reciclado é três vezes maior à vida útil da pavimentação tradicional em concreto e asfalto.

A implantação da Plastic Road, em média, é 70% mais rápida que o tempo de construção de vias em asfalto e concreto.

A pavimentação em plástico reciclado é quatro vezes mais leve que a pavimentação tradicional em asfalto e concreto, diminuindo os custos de transporte e armazenamento.

O plástico utilizado para composição da ciclovia, além de ser reciclado, é também reciclável; após uma eventual desmontagem da ciclovia, o plástico volta para a cadeia produtiva, sem gerar resíduos - tornando, assim, o processo 100% circular.

A alocação das instalações elétricas e hidráulicas no vão interno dos módulos (ao invés de enterradas sob o solo, como ocorre tradicionalmente) torna a manutenção mais simples e barata.